Oi é multada por Ministério Público

Em 15 de outubro a Oi/Telemar foi notificada de que, a partir da data, teria que dispensar a contratação de provedores adicionais para os clientes do serviço Velox em todo o País. Por descumprir a decisão judicial, a Oi foi condenada a pagar uma multa de R$ 3 milhões.

O Ministério Público Federal no Pará (MPF/PA), que entrou com o pedido contra a exigência de provedor, recebeu uma série de denúncias de usuários que tentaram efetuar a operação e não conseguiram.

Segundo o MPF/PA, a Telemar argumentou que não ficou claro o prazo para o cumprimento da decisão judicial. De acordo com o juiz federal Antônio Carlos Almeida Campelo, que atua em Belém, a ordem não vale para o Rio de Janeiro, já que no Estado há uma ação igual em andamento.

Porém a questão do prazo foi considerada inválida, já que o cumprimento é imediato após a notificação. A justiça também descartou possíveis dificuldades técnicas para cumprir a ordem.

Fonte: Revista Geek

3G gratuito na Oi

A operadora de telefonia móvel Oi divulgou que os clientes que comprarem o modem 3G da Oi poderão experimentar o serviço gratuitamente até o fim do ano e, caso não goste do serviço, o cliente poderá cancelar o mesmo até o fim do ano.

Para experimentar o serviço Oi Velox 3G, o cliente precisa adquirir o modem 3G da Oi, que vem desbloqueado e custa R$ 299. A promoção é válida para novas adesões, com contratos assinados a partir do dia 17 de novembro.

Se o cliente resolver continuar com o serviço em 2009, ganhará crédito em suas mensalidades por dez meses. O crédito será de acordo com o plano escolhido, sendo de 30% do valor do plano para os planos de velocidades de 1 Mbps e 600 Kbps e 15% para o plano de 300 Kbps.

Há três opções de velocidade: 300 Kbps (mensalidade de R$ 59,90), 600 Kbps (R$ 79,90 mensais) e 1 Mbps (R$ 119,90 mensais). Há uma franquia de 10 GB por mês. Se for ultrapassada, o cliente paga por dados avulsos (R$ 0,10 por megabyte).

O Oi Velox 3G está disponível em 50 municípios, como Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Para saber mais, clique AQUI.

Fonte: Olhar Digital